31 de mar de 2009

Bonecos da dupla Milli Vanilli: Fab Morvan e Rob Pilatus

Essa é mais uma daquelas histórias de sabado quando fico toda manhã pesquisando no comércio matéria prima para minhas customizações! Achei primeiro o boneco moreno numa loja de departamentos, um soldado "made in corea" estilizado cheio de armas futuristas, sorriso sarcástico e um cavanhaque estiloso! No outro sabado encontrei na mesma loja, um outro soldado da mesma linha mas de pele mais clara e olhos verdes. Com os dois nas mãos imaginei logo que poderia criar a dupla Milli Vanilli! Depois de muita pesquisa decidí que faria o visual emblemático dos terninhos sem gola e calça ciclista. Primeio passo (e o mais complicado) foi fazer os cabelos. O "Fab" tinha tranças ruivas desmanchadas que fabriquei numa única noite. Já o "Rob" possuia aquelas tranças negras delicadas e pesadas, que após muita busca conseguí encontrar uma linha ideal que tivesse o mesmo caimento da do cantor. Resolvida a parada, o próximo passo foi convencer minha mãe de fazer dois blazers em seda (um azul escuro e outro vermelho) e as leggings pretas num momento em que ela estava cheia de serviços... Mas deu tudo certo, em 2 dias ela me entregou por etapa as roupas direitinho! Daí então, tudo nos bonecos foi questão de detalhes: apliquei as pedrarias, punhos, jóias e arremates com cola. Suas botas foram aproveitadas de meu estoque. Um leve retoque de maquiagem e molde nos cabelos e pronto: minha falsa dupla favorita estava liberada para o ensaio fotográfico. Levei mais tempo em pesquisas e busca de material (2 meses) do que para construir os bonecos (1 semana), mas é isso mesmo! Só sossego quando tudo fica exatamente do jeito que planejo antes.





Fab Morvan:






Rob Pilatus:







Eu adoro essa história: a dupla Milli Vanilli, surgiu no finalzinho da década de 80 e conquistou o mundo todo com o hit "Girl You Know It's True"! Eles eram dois lindos negões de vozes magnificas que encantavam a todos com charme e sua dança aeróbica! A balada "Girl I'm Gonna Miss You" virou tema de telenovela e "Baby Don't Forget My Number" rodava a mil nas boates e rádios da época... Já tinham até ganho um Grammy em 1990 como banda revelação quando a bomba literalmente explode: tudo era uma farsa, os caras não cantavam piroca nenhuma, apenas dublavam cantores de estúdio! A armação veio a tona no auge do sucesso e o Milli Vanilli virou da noite para o dia a maior infâmia do mundo pop... Imagina só! Os produtores tiveram que devolver o dinheiro da galera que comprou os albuns, pediram desculpas na TV e soltaram um disco dos verdadeiros cantores, entitulados como The Real Milli Vanilli, um monte de homem feio que nunca conseguiu o mesmo sucesso que os dois modelos bonitões faziam só com a mímica! Eu, que amo absurdos do tipo só não tenho mais a camiseta dos caras porque o tempo e as traças destruiram... Mas o disco de vinil "All Or Nothing Remix", tá lá em casa inteirão, e ninguém tasca! Eu amo os falsos Milli Vanillis, kkkkk...



Mais sobre o Milli Vanilli?

Wikipedia: Wiki/MilliVanilli
Site Oficial Fab Morvan: www.fabricemorvan.com
The REAL Milli Vanilli MySpace: MySpaceTheREALMilliVanilli

"Ba-ba-ba-ba
Ba-ba-ba-ba baby
Don't forget my number
Love will see you through..."

30 de mar de 2009

Momento "Fã-Clube do Marcus Baby"

Existem momentos na vida do "artista" que dinheiro nenhum no mundo paga: o amor incondicional daquela pessoa que se declara e assume ser seu fã... Olha só isso:

A fã número 1 e minha "personal risadinha":
Cleyse é minha colega de empresa mas desde sempre se declarou fã do meu trabalho e diz que é minha tiete, daquelas que faz movimento, briga por autógrafo e provoca a muvuca mesmo! Semana passada a menina me surpreendeu com um presente "customizado" por ela: uma caneca da hora toda ornamentada com minha logo e foto... Muito show, achei linda, fiquei até com pena de usar para não estragar a arte! O bom é que toda a galera do trampo já sabia do presente antes de mim e mesmo assim a caneca gerou um ciúme disfarçado, acredita? Kkkkkk...

Para conhecer o "Amor Por Missões" de Cleyse, clique aqui!

"Baby, se eu ficar famosa, quero uma versão minha, tá?"
Esta foi a frase que a Faby Cabral, de São Paulo, colocou numa elaborada montagem com fotos das minhas "Madonnas" customizadas numa homenagem a minha arte, feita no seu album do Orkut intitulado "Quando eu crescer quero ser igual a vocês"... Cara, sinceramente me emocionei quando ví! Na real, fiquei até sem ação...

Para ver a homenagem da Faby em seu album, clique aqui!

Bom... O que mais eu posso dizer agora com demonstrações como essas?
Um "muito obrigado" de coração, serve?...

27 de mar de 2009

Boneca Madonna versão "Sooner Or Later" Oscar 91

Comprei essa Barbie já no intuito de fazer uma Madonna devido ao esquema da pele clara, cabelo loiro, blá blá blá... A escolhida da vez é a marilyana versão apresentada no Oscar 91 quando cantou o tema “Sooner Or Later” do filme “Dick Tracy”. Comecei criando o penteado cinematográfico usando bobs de alumínio e uma camada de cola, utilizando em seguida o método do choque térmico. Em seguida, depois do cabelo seco, moldei tudo com outra camada de cola e secador. A maquiagem recebeu novas cores. As jóias feitas com strass em metro de vários tamanhos foram fixados com um adesivo especial, brincos, gargantilha, pulseiras e anéis. A luva branca também foi moldada com tecido tecnológico e cola de tecido. A parte complicada ficou por conta do vestido... Como não encontrava o pano ideal, tive que fabricar um tecido com a união de três outros para criar o branco cintilante tal qual o usado pela Madonna na entrega de prêmios! Com uma base em alumínio montei todo o vestido e dei o acabamento no colo com strass original e nakarado. A finalização ficou por conta de estola feita em pelúcia branca com penduricalhos do mesmo material. Ufa! Levei apenas 5 dias para fazer essa boneca e, sem falsa modéstia, adorei o resultado, achei que ficou muito bonita mesmo!

















Que me perdoem os fãs da Marilyn Monroe, mas a Madonna, mesmo a imitando descaradamente como nessa performance da entrega de prêmios do Oscar 91, supera em sensualidade a própria musa inspiradora! Cantando ao vivo com sua voz limitada e recriando a loira fatal de luxo que sempre “agarra seu homem” cedo ou tarde (“Sooner Or Later”), Madonna consegue eternizar na memória de todos uma apresentação que se tornou antológica no momento em que ela termina seu número mandando beijos de satisfação, mesmo quando surge visivelmente nervosa no início (sua mão chega a tremer) e o imprevisível brinco que cai no seu ombro (e ela o atira longe, nos músicos da banda, ignorando o valor da jóia)... Tudo ficou espetacularmente lindo, eu adoro e já assisti umas 1000 vezes, kkkk... Confira você agora:



Mais Madonna? Agora:

Site oficial: http://www.madonna.com/
MySpace:
www.myspace.com/madonna
Wikipédia: MadonnaWikipedia
Minsane: http://www.minsane.com.br/
Sites Oscar oficiais: www.Oscar.com ou www.oscars.org
Oscar Wikipedia: Wiki/Oscar

26 de mar de 2009

Exclusivo: ModaUrbana.Net entrevista Marcus Baby

O descoladíssimo site ModaUrbana.Net abriu seu espaço e fez uma entrevista bem legal comigo, me colocando inclusive na chamada de capa! Ficou muito show cara, eu adorei!!! Confere:








Para conhecer o ModaUrbana.Net: www.ModaUrbana.Net
Para ler a entrevista na seção "Mídia": ModaUrbana/MarcusBaby

Grande Edson Godinho, um forte abraço, valeu!

24 de mar de 2009

Nina Hagen versão "Universal Radio", primeiro Rock In Rio

Desde que me vi fazendo bonecos customizados, homenageando meus ídolos de infância e adolescência, sempre tive o pensamento em criar a minha versão para a cantora alemã, a “mãe do punk”, Nina Hagen com todo aquele visual surreal apresentado aqui no Brasil no primeiro Rock In Rio!! Um belo dia encontrei uma Barbie de cabelos cor de rosa e nem pensei duas vezes: comprei e já comecei a construção no mesmo dia! Apliquei mais cabelos, dessa vez num rosa choque para criar uma franja/topete e um comprido rabo-de-cavalo. Depois moldei tudo com spray de cola. A maquiagem foi refeita tal qual a da cantora com sobrancelhas exageradas e um bocão vermelho e cínico (precisei “fechar” a boca da boneca após a retirada de seus “dentes” com Super Bonder). O macacão foi feito pela minha mãe mas com o tecido criado por mim, numa sobreposição de malha cinza prata, tela preta e tintura imitando a pele de cobra. Tanto a costura quanto a composição foram meio complicadas e levaram horas entre análise e execução. As botas foram feitas em courino e salto de alumínio tingido. Detalhes como luvinhas e jóias foram aplicadas com cola. O ponto “X” da boneca ficou mesmo por conta da pochete em forma de lobo com uma línguona pendurada que fiz com plumas negras, alumínio e pedrarias, onde construí olhos, focinho e a tal língua de fora... O resultado é esse que você pode conferir abaixo:















Eu era um pirralho ainda, pré-adolescente quando descobrí a Nina Hagen e seu pop rock pulsante e esquisitíssimo!!! Simplesmente adorei aquela criatura inegualável que mais pareceia um personagem de história em quadrinhos do que exatamente uma cantora de rock and roll... Sua voz poderosa que vai facilmente do grave gutural ao extremo agudo destruidor de cristais me fez experimentar um novo tipo de música que eu até então ainda não conhecia: uma mistureba de sons e elementos que fazem da alemã uma artista única e exclusiva! Para quem nunca ouviu falar nada dessa mulher, vale só lembrar que ela é a tal famosa "Garota De Berlim" que fez dueto com Supla nos idos dos anos 80, num hit inesquecível! E se quiser conhecer melhor o trabalho dela, procure ouvir músicas maravilhosamente diferentes como "New York New York", "The Change", "My Way" (aquela mesma do Frank Sinatra mas numa versão ultra-heavy-metal) e a minha favorita, "Universal Radio", que você pode conferir agora no clipe oficial gravado no primeiro Rock In Rio, aqui no Brasil: Prepara o ouvido...



Mais Nina Hagen? Aqui:

Site Oficial: NinaHagen.Com
Wikipedia: Wiki/NinaHagen
Nina Hagen Electronic Shrine: www.totalobscurity.com/nina

"I'm my own radio..."
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

[FECHAR]